Mentor

Roberto Grosman

Sócio, Co-Fundador e Co-Ceo da F.biz

Caraca!

"Escolhemos o nome por um simples motivo: Carolina + Rafaella + Carolina = CARACA! É a soma de nós e ainda forma uma palavra ótima, que transmite emoção. Esperamos pulsar e viver o programa em sua máxima potência. Queremos chegar na nossa ideia de negócio social, nos desenvolver como pessoas e como equipe." Time Caraca! O time Caraca! foi eliminado na etapa de Funil Social

Ver os participantes do time >>:

Iniciativa apoiada

Escola de Notícias

Usa as tecnologias de informação e comunicação como estratégia para o acesso e a ampliação de direitos sociais, culturais e econômicos

Vídeos

Episódio 3 – Etapa Startup – Triggers – Pré aceleração com o Quintessa

25/10/2017

Talk Nave à Vela – Conheça o modelo de negócio de quem já empreende com impacto social

25/10/2017

Episódio 2 – Etapa Funil Social Triggers – Ganhador 20 mil

25/10/2017

Talk Yunus – Conheça a base do empreendedorismo social

25/10/2017

Conheça soluções para um novo negócio

29/09/2017

Triggers na Rádio Rock

15/09/2017

Como criar um plano de negócios realista em dez passos

05/09/2017

Como se preparar para um novo modelo de negócio

30/08/2017

Como tornar as ações de sua empresa conhecidas?

23/08/2017

Triggers na Rádio Rock

08/08/2017

Os Participantes

Carolina Ochoa Koepke

Acredita na potência dos negócios de impacto social. Atualmente trabalha na área de inovação, empreendedorismo e sustentabilidade. É formada em Administração de Empresas com foco em Meio Ambiente.

Carolina Birochi

É estudante de Administração Pública, trabalha em uma ONG de formação de lideranças políticas e é feminista. Desde que tem 10 anos participa de organização global que educa e inspira ações para um mundo mais justo e pacífico. Acredita que se cada um fizer um pouquinho podemos chegar em um mundo melhor.

Rafaella Lopes

Está acabando o curso de Administração Pública e trabalha em uma consultoria estratégica de relações governamentais. Se apaixonou pelo tema de negócios sociais durante a faculdade, quando decidiu ser voluntária em um negócio socioambiental, o que despertou o desejo de empreender.